Eataly, para os amantes da gastronomia italiana

A Dolce Vita Lingerie – que adora a gastronomia italiana! – dá uma dica a quem vai viajar para Itália: a rede gourmet  Eataly, que  tem mais de 20 lojas na Itália e no mundo, entre outras em  Nova York, Tókio, Dubai, Istambul…. está inaugurando uma unidade em Milão.
E a de  São Paulo, no Itaim Bibi com cerca de 4 mil metros quadrados de área, está com inauguração prevista para novembro 2014.

O nome Eatlay é a fusão das palavras Eat + Italy. É mais que comida italiana e cozinha mediterrânea: é jeito de ser, é produção de alimentos, é cultura, é história da culinária italiana, é releitura de pratos de origem humilde, é influencia recebida de outros países.
É querer comunicar os métodos produtivos, as pessoas, as empresas e suas historias que fazem os altos alimentos que constituem o melhor da enogastronomia italiana.
Eataly é um empório com produtos de alta qualidade onde se misturam, de forma inovadora, restaurantes e entretenimento. Seu tamanho e arquitetura também impressionam, assim como o cuidado com os ingredientes.

A empresa se autodefine assim:
“Eataly è mangiare italiano, vivere italiano. Il nostro obiettivo è dimonstrare che l´alta qualità dell´enogastronomia italiana é alla portata di tutti”.

Veja a matéria publicada esta semana no site do La Republica sobre a inauguração da Eataly em Milão:

Terça-feira,18 de março, na Piazza XXV Aprile, em Milão, no prédio que abrigava o Teatro Esmeralda, abrirá Eataly. O projeto dos arquitetos Charles e Thomas Piglione Bartoli criou três andares, com 5.500 metros quadrados, dos quais 2.500 para a venda de comida, vinho, livros e artigos para o lar.
O resto é dedicado à alimentação, à educação, às “áreas emocionais ‘ – como a da mesa sob uma oliveira para melhor sentir a origem  do azeite – e à shows.
A parte central do edifício está vazia: as paredes são feitas de vidro e, bem no centro, no primeiro andar, há um palco redondo onde  atores, cantores e músicos se apresentarão, visíveis de todos os pontos.
Em cada andar tem áreas de vendas, divididas por especialidade, mesas e cadeiras e pontos de produção de mozzarella em ciclo contínuo, pão, piadine e confeitaria.

 

por Cristina Mizzan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *